Perguntas Frequentes (FAQ)

Porquê criar o FalarSobreCancro.org?

Porque acreditamos que a existência de um espaço global, aberto e livre de cidadãos, regido por valores de cidadania e de solidariedade social, pode ser, nas mais variadas formas, uma forte ajuda na luta contra o cancro. No entanto, saliente-se, que o fazemos com o inequívoco objetivo de nunca substituir a conversa e aconselhamento médico, mas apenas complementá-la. Os tratamentos de cada pessoa devem ser individualizados e conduzidos por profissionais de saúde.

Qual a missão do FalarSobreCancro.org?

Ajudar a atenuar o problema individual do cidadão que se relaciona, nas mais diferentes formas, com a problemática do cancro. Queremos contribuir para a construção de um tecido social de maior solidariedade, cidadania e proatividade.

A quem se destina o FalarSobreCancro.org?

A todos os cidadãos, em especial, os que estão envolvidos direta ou indiretamente com o cancro: doentes, cuidadores, familiares, amigos, profissionais de saúde, investigadores, voluntários, etc. É um espaço que pretende agregar a comunidade oncológica e funcionar como um meio de partilha e troca de informação. O principal objetivo é que cada cidadão construa livremente a sua rede de informação e contactos, de acordo com as suas próprias necessidades e vontades individuais e/ou coletivas.

Que tipo de informação podemos encontrar?

Todo o tipo de informação relacionada com o cancro. A informação presente no site resulta dos contributos dos seus utilizadores. A publicação é livre e os conteúdos informativos clínicos e científicos só são autorizados a profissionais de saúde devidamente habilitados (ver critérios de publicação de artigos e comentários dos utilizadores).

Como funciona o FalarSobreCancro.org?

O acesso e participação no site só é possível mediante registo. Esse registo consiste no preenchimento de um conjunto de campos obrigatórios e facultativos.

Depois do registo, o utilizador tem acesso à sua página, onde poderá publicar e gerir livremente os seus conteúdos informativos, bem como a sua informação pesssoal.

À semelhança de outras plataformas sociais, como o Facebook, o Twitter ou o Linkedin, o utilizador pode construir uma rede de contactos e com eles partilhar, comentar e discutir ideias. Tem ainda disponível uma série de opções, aplicações e ferramentas, nomeadamente:

  • Perfil e Ficha Clínica: que permite publicar informações pessoais e clínicas. Este espaço está ainda numa fase inicial e a ser construído sob a orientação dos profissionais de saúde do IPO-Porto.
  • Grupos de Discussão: neste espaço o utilizador pode propor a criação de um grupo de discussão sobre um determinado tema e convidar a sua rede a participar. O utilizador pode, igualmente, aderir e participar em grupos já existentes na plataforma.
  • Chat de Conversação através desta ferramenta, o utilizador poderá trocar ideias em tempo real com outros utilizadores da rede.

A plataforma pretende ser continuamente melhorada com o contributo de todos os profissionais envolvidos no projeto e da própria comunidade utilizadora do site

Os conteúdos publicados no site são seguros?

O facto de ser uma plataforma livre, onde o utilizador pode publicar automaticamente os conteúdos, acarreta, naturalmente, riscos. Contudo, a segurança é uma das nossas preocupações. Apesar de ser impossível controlar em absoluto a publicação de informação não apropriada, o site possui vários mecanismos de defesa e supervisão, havendo também um permanente trabalho humano e tecnológico em prol da melhoria da segurança.

Saliente-se que a própria comunidade pode também ter um papel bastante relevante nesta matéria. No caso do utilizador detetar uma eventual publicação ou comportamento impróprio, deverá denunciá-lo. Poderá fazê-lo através do botão “Denunciar”, disponível em todas as áreas de publicação do FalarSobreCancro.org ou através de um email.

Tem algum custo?

Não, é totalmente gratuito.